Lancheira saudável – Menu do Recreio

 lancheira saudável
Como montar uma lancheira saudável. A Folhinha, da Folha de S.Paulo, publicou hoje uma matéria sensacional sobre o lanche escolar. Tem ideias de cardápios e dicas legais. Reproduzo o conteúdo abaixo para quem não tem acesso ao jornal. No blog da Folhinha tem as receitas citadas na matéria.
Um beijo da Mô

Menu do recreio  

Misturar frutas, inventar bolinhos e usar menos embalagens na lancheira são bons ingredientes do cardápio da volta às aulas

o que vai na lancheira

SEGUNDA
1 suco de abacaxi e laranja;
1 bolinho de iogurte confeitado;
5 morangos.

1. Leve sempre os sucos naturais em uma garrafinha térmica. Ela protege o líquido da luz e da temperatura e impede que o suco fique azedo ou sem vitaminas.
2. A dica é fazer vários bolinhos no fim de semana. Depois, é só congelar e ir comendo aos poucos. Capriche nos confeitos.
3. Cada estação do ano tem frutas que dão nessa época. Prefira essas frutas, porque elas são sempre mais suculentas e saborosas. Além disso, são mais baratas.

TERÇA
1 iogurte de coco;
1 potinho com granola para misturar com o iogurte;
1 bolinho de banana caseiro;

1 kiwi descascado

1. Se você não gosta de granola, a dica é combinar o iogurte com frutas secas, frutas vermelhas ou até castanhas picadinhas. Não deixe de experimentar diferentes misturas.
2. Nem todas as frutas ficam boas quando você as leva descascadas. A maioria delas perde vitaminas e fica com um aspecto meio escuro. O kiwi, não. Apesar de perder um pouco de vitamina C até a hora do intervalo, ele tem fibras e outros nutrientes. E ainda é docinho.

QUARTA

1 suco de uva orgânico e integral;

5 biscoitos caseiros em forma de animais;

1. O que é suco orgânico? É feito com fruta que foi cultivada em solo sem agrotóxicos. Já o suco integral é feito só com a fruta, sem adicionar mais água ou conservantes, substâncias usadas para manter o sabor mesmo quando ?ele fica dentro de uma caixinha.
2. Ao contrário dos sucos de caixinha, o suco orgânico vem em uma garrafinha de vidro. Por isso, é preciso levá-lo para a escola na sua garrafa térmica.
3. Para fazer o espetinho, basta usar uma faca ou uma colher para tirar pedaços em forma de bolinha ou quadrado de frutas como melão e melancia. Depois, espete os pedaços em um canudinho de plástico (que não oferece perigo como o espeto). Complete-o com uvas ou outras frutas pequenas.

QUINTA
1 suco de laranja com cenoura;
1 lanchinho em forma de coração recheado com queijo cremoso ou ricota com espinafre;
1 pera.

1. Se você preferir, pode tentar outras combinações no lanche. Experimente queijo cremoso com geleia de framboesa ou de goiaba.
2. Uma dica é usar forminhas com desenhos diferentes para fazer arte com o seu sanduíche. Em lojas de culinária, você encontra formas de coração, menino ou menina, bichinhos, carros etc.
3. Quando as frutas estão sequinhas e com casca, economize plástico e leve-as embaladas no papel toalha. Essa dica vale para banana, maçã, laranja e tangerina. Use o potinho quando elas forem pequenas e amassarem facilmente.

SEXTA
1 espetinho de frutas.
1 suco de polpa de graviola;
4 cookies de grão de bico com gotas de chocolate feitos em casa;
1 cachinho de uva.

1. Se não der para tomar suco natural todos os dias, o suco de polpa é a melhor opção, porque ele tem muito mais nutrientes da fruta do que qualquer suco de caixinha.
2. Você pode substituir os cookies (biscoitos) por barrinhas de cereal caseiras, que são deliciosas e fáceis de fazer

13 Comments

  1. Oie,trabalho num projeto social na comunidade do morro do estado,Niteroi no qual atendemos 60 crianças por dia.
    Gostariaria de sua dica para montarmos um cardapio saudavel e em conta, pois dependemos de doações.
    Desde ja obrigado.

    1. Não sei se todos os bolinhos podem. Os de chocolate, com certeza podem ser congelados, assim como os de laranja. Já congelei e deu certo. Nunca congelei bolos feito com coco fresco nem de cenoura. Se vc fizer os bolinhos em forminhas separadas, espere esfriar, coloque num recipente fechado, um tupperware, e leve ao freezer. Se fizer em uma forma grande, espere esfriar, corte em pedaços menores, embrulhe em papel alumínio e congele ou coloque no tupperware, mas separe as camadas com um papel manteiga.
      A maneira mais prática é fazer em forminhas de cupcake.
      bjs

  2. Ótimas dicas! Ano que vem o meu filhote já vai levar lanche pra escola e isso já é assunto entre as mães que se preocupam com lanches saudáveis! Vou aproveitar as idéias de cardápio!

    Bjs, Eliane
    1001roteirinhos.com.br

  3. Simone: experimente polvilhar o açúcar ANTES de ir ao forno. Polvilhe com açúcar e canela depois, também.

    >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

    Lu, mãe do Bruno: intitucionalize o hábito de lavar as mãos sempre (sem neuras) e de forma adequada (unhas, entre os dedos, etc). Isso evita muitas doenças. Quando ele estiver na escola vai cobrar os adultos para que lhe lavem as mãos antes de comer.

  4. Oi Laura, que bom que você gostou! Eu adorei a reportagem. É daquelas que penso "porque não fui eu que fiz…"

    Oi Nádia, bem-vinda! Mande suas dúvidas, dicas, ideias para nós que vamos adorar!

    Oi Lu!Nem me fale… essa dobradinha escola + vírus é um problema. A Isabella também não tinha nada até entrar na escola. Então começou a ter virose semana sim, semana não. Ela seguiu todas as gripes da moda (menos a súina, quer dizer, pelo menos não foi diagnóstica mas pode ter pegado depois que ela ficou mais branda). E é assim mesmo, como me explicou o pediatra: o vírus aparece ali na classe, mas nem todos os alunos "pegam".
    Ele entrou agora na escola pela primeira vez?
    O jeito é dar bastante água para o Bruno e ficar atenta para ver se não é algo mais sério. Se tiver outro sintoma como febre, gripe, vale falar com o pediatra. Ah, um dia longe da escola também pode ajudar ele a se fortalecer. Se der para ser no colo da mãe então…

    beijos para todas

  5. Oi, Mô.
    Achei "tudibom" a sua iniciativa de reproduzir a reportagem da Folha, viu. Parabéns.
    Meu filhote está com diarréia desde que começou na escolinha. O problema é que outras crianças estão bem, então, achamos que são as tais trocas de vírus entre crianças.
    bjao.
    Lu

  6. Oi Simone, vou achar a reportagem para ver! Essa história do suco de laranja em garrafa escura é verdade. Fiz um post aqui sobre sucos na lancheira, na semana passada, não sei se você viu. Lá a nutricionista Tânia Rodrigues fala exatamente isso. Lógico que os sucos perdem vitaminas quando tomados depois de um tempo, mas não é tanto assim a ponto de não mandarmos na lancheira. E para diminuir essa perda, que se dá pela oxidação, devem ficar longe da luz (garrafa escura) e com menos contato de oxigênio possível, daí a sugestão de encher a garrafinha.
    Ei, uma dica: porque você não cola adesivos de "menina" na garrafinha preta para sua filha gostar mais? Já fiz isso em alguma coisas da Isabella e deu certo!
    Vou experimentar o bolo de banana…
    beijos, Mô

  7. bolo de banana facilimo
    4 bananas
    4 ovos
    1/2 xicara de oleo
    2 xicaras de açucar
    2 xicaras de farinha de "rosca"(de pão).
    1 colher de sopa de fermento em pó

    liquidifique os 4 primeiros ingredientes.misture aos 2 ultimos em uma tigelacom a mistura do liquidificador.
    coloque em forma untada e enfarinhada ,forno pré -aquecido médio por uns 30 minutos. polvilhe açucar e canela ao sair do forno.(faz toda diferença)
    mais facil que isso só comprando pronto.
    bjus

  8. vc viu a reportagem no jornal hoje rj sobre laranjas?
    a nutricionista dava dicas de como não perder tanto a vitamina c .
    ex:colocar o suco em garrafas escuras ,enchendo até a borda.
    minha filha que não gostou nadinha da dica ,disse que a garrafinha que eu comprei preta pra escola é de MENINOS.
    mas a reportagem é bem interessante,vale a pena dar uma conferida.eu por ex.achava que a vitamina c se perdia na hora ,e não é bem assim.eu nem mandava suco pro colegio,pois achava que já nao tinha vitamina c quando ela lanchava.hoje eu já mando na lancheira.
    tinha uma saladinha na reportagem bem legal também.
    bjus

Comments are closed.