Filhos, esses incoerentes

No post de hoje de manhã eu choramingava sobre o não comer infantil. Aí chegou a hora de jantar…

A caçula, a filha que não come, sentou em sua cadeirinha sem ninguém mandar. Olhou para mim. Pediu ovo e “carninha”. Pegou o garfo e comeu sozinha. Tudo. Limpou a boca com o guardanapo. Desceu e foi brincar.

Existe uma luz no fim do túnel…

 

beijos e bom fim de semana!

Mônica

2 Comments

  1. Essa caçula pede um NHOOO em letras garrafais hehehe

    Aqui a filhota manda bem no garfo, mas tem dias que nem levitando pra ela comer… noutros ela quase devora o prato.

    Mas, no fim das contas, nós também somos assim, né?

    Beijo do Caio!
    @PaisModernos_

  2. Nossa Mônica, passo o mesmo com a minha caçula que tem 1 ano e 10 meses. Desde que fez um ano não come direito. Há menos de 15 dias ela resolveu ter apetite, pede para comer, e ainda rouba alguma coisa do prato da gente.
    Essa semana ofereci ovo cozido e ela comeu. Fomos num restaurante e ela comeu salmão grelhado e creme de espinafre.
    Fiquei tão contente, agradeci a Deus e todos os santos. rs
    Mas ela come quando quer, não adianta, um dia tem uma fome de leão, no outro só fruta e tomate, este último eu controlo, se não come toda hora.
    bjs

Comments are closed.